quarta-feira, 13 de agosto de 2008

BECOS DE LISBOA



Óleo sobre tela de Maria José Secca



O espírito da Velha Lisboa ainda tão presente nos seus bairros populares, onde se passeia a saudade por tascas à moda antiga, paredes meias com locais da moda.
Onde a roupa ainda se estende nos varais pra rua e as vizinhas falam de janela pra janela à distância de um grito.

Ruas de onde se vê sempre o rio e a outra margem e onde, à noite, ainda se ouve um fado vadio entre copos de tinto e conversa avulsa.
E disto eu falo por lá ter passado, ter visto, cheirado e ouvido a vida simples que escorre lenta e saborosa por entre casas que quase se tocam e onde às portas ainda se sentam as comadres a comentar os sabores e dissabores do dia a dia.

2 comentários:

Isabel-F. disse...

adoro os bairros antigos de Lisboa ... são lindos ... (os modernos não valem nada ...) neles sente-se o cheiro de Portugal, dos portugueses ...

e a tela está lindissima ... bem real ... retrata bem um desses bairros ...

para a autora desta tela parabéns também...


beijinhos para ti Ana.

Ana Oliveira disse...

Agradeço pela Zé, que sendo de Angola, tem paixão por Lisboa...

Bom fim de semana para ti.

Beijos

Ana