quinta-feira, 21 de agosto de 2008

CORDA SECA TOTAL


O processo da corda seca foi desenvolvido ao longo do século XV por artífices mouriscos na cidade de Sevilha.Este processo consistia na aplicação de vidrados coloridos, formando desenhos de diferentes cores, sobre placas de barro cozido. Para evitar que as diferentes cores se misturassem durante a queima usavam moldes que vincavam o desenho. Estes vincos eram cobertos com uma mistura de óleo de linhaça, manganês e uma matéria gorda que impedia os vidros hidro-solúveis aplicados sobre os desenhos de se misturarem. Nos finais do século XVI surge uma nova técnica que consistia em contornar o desenho, sobre o barro cozido, com uma mistura de óleo de linhaça e manganês, a pincel, e encher depois o desenho com os vidros coloridos. A mistura de manganês com o óleo de linhaça apresenta depois de queimado um traço negro metálico.Este método ainda é usado actualmente.
Haveria ainda que falar de duas outras formas de corda seca, uma bem antiga e outra mais recente, mas fica para a próxima vez que hoje a conversa já vai longa.

7 comentários:

pensamentosametro disse...

O que eu gostava de saber executar estas coisas.

Bjos


Tita

Ana Oliveira disse...

Talvez um dia, quem sabe, venhas a ter tempo para isto.

Beijos
Ana

Lola disse...

Ana,

Lindíssimas as tuas porcelanas do post anterior.

As técnicas que descreves são antigas.

Os desenhos belíssimos.

Fazem-me lembrar mandalas.

Beijos grandes

Me Hate disse...

Sabes bem que não sou de elogios e, sobretudo de elogios balofos. Contudo nesta técnica, como na maioria das outras: ÉS MESMO MUITO BOA!

Quem me dera senhor, quem me dera!

Ana Oliveira disse...

Tita e Lola deixem-me explicar que estas fotos são da net, e realmente de peças muito antigas.
Num próximo post falarei de outras duas técnicas para este tipo de trabalhos com fotos também antigas.
Só depois publicarei fotos de trabalhos meus para que possam avaliar do resultado conseguido.

Ana Oliveira disse...

me hate obrigada pelo elogio porque tu já viste trabalhos meus desta técnica, as outras meninas vê-los-ão
depois de terem como compará-los com originais mais antigos.

Ana Oliveira disse...

Lola
As porcelanas da colagem são todas de alunas minhas.
As peças referentes a "corda seca" são, como já expliquei peças antigas.
O desenho do prato da esquerda pode dizer-se que representa uma mandala antiga. No póximo post mostrarei uma mandala feita em corda seca mas com uma técnica ligeiramente diferente.
Beijos
Ana