domingo, 30 de agosto de 2009

APONTAMENTOS - 6º SALÃO DA VILA

:
Um recanto do Salão de Exposições
:
:
Insólito - Mercês Palha
:
:
Ponte - Góis - Teodomiro Barral
:
:
Piodão - Eduardo Barata
:
:
Paisagem - Isaura Oliveira
:
:
New World - Mário Calheiros
:
:
Arlequim - Lídia Martinez
:

:
Danças Intemporais - Sevilhana - Ana Mamede
:

:
Maria José Secca e os Barcos no Rio ao Pôr-do-sol
:

:
Raija Durão e as memórias das crianças nórdicas
:
:
Ana Mamede e o primeiro da série "Danças Intemporais"
:
:
As minhas "Palavras que não disse" e "Chuva de Sangue"
;
Brevemente, mais fotos de outros trabalhos que estão expostos.
:
:
Fotos Vitor Martinez.

18 comentários:

Me Hate disse...

Eh pá as artistas continuam boas continuo é sem perceber porque raio continuas a colocar as coisas sem sentido artístico dessa tal Ana Mamede... Há quadros que, sendo abstratos têm técnica, são bem executados... estou a lembrar-me de um com caractéres chineses lindissimo... e depois há estas coisas de pseudo-arte que essa señorita faz... é nem P.M. quanto mais A.M. ;P

Benó disse...

Obrigada Ana por mostrares al
guns artistas dos expostos aí em Paço de Arcos.
Parabéns a todos, mas a ti especialmente pelo Palavras não ditas.
Boa semana.

Paula Raposo disse...

Tudo lindo! Beijos.

Eme disse...

Sim, a arte aqui tão perto, estamos rodeados da beleza e por circunstâncias da vida pouco conhecemos, é por isso que espaços como este são essenciais. Não é apenas no verbo que nos podemos sentir pequenos. Perante estes trabalhos, também. Porque soltar as letras, toda a gente o pode fazer. Mas pegar num pincel e gravar a eternidade na tela, quantos o fazem?

Beijo.

Bem-me-quer disse...

Parabéns, Ana. Gosto muito dos dois.

mariabesuga disse...

Obrigada por divulgar mostrando aqui o que de outra maneira não poderia apreciar.

Gostei, Ana.

Beijinhos
Felicidades

simplesmenteeu disse...

Obrigada por quebrares a frio da vida, trazendo até nós Arte. Por colorires os nossos dias e encheres os nossos olhos e o nosso coração de outros caminhos e mundos...

As palavras não ditas são muitas vezes a semente de novas vidas.Vidas em "Chuva de Sangue" e renascimento.

Beijo grande

Liliana disse...

Muito bons trabalhos. Embora ache inevitável gostarmos mais de uns do que de outros, considero que todos os artistas estão de parabéns, incluindo a Ana, que apresenta aqui duas belas pinturas! Obrigada pela partilha.

Um beijo

Ana Oliveira disse...

Me hate

Continuo a insistir...tanto há-de pintar que há-de aprender!!!!
Com caractéres chineses? da AM? não me lembro, não devo ter visto, não passou certamente pelo atelier!

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Benó

Obrigada.

Para mim, mais do que uma obrigação, é um prazer mostrar o trabalho que se vai fazendo por esta minha terra...
Obrigada por gostares das "Palavras que não disse"...um dia destes sai um com as palavras já ditas!

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Paula

Obrigada.

Um beijo

Ana

Ana Oliveira disse...

EME

Obrigada pelo prazer da visita e das palavras.
As letras dão-nos palavras que nunca se esquecem, povoam os nossos dias, marcam os nossos caminhos...
Os pincéis permitem-nos voar com eles, colorir os nossos sonhos...
Por isso me curvo ao talento do verbo e da cor...que os deuses me abençoaram com o jeito mas não com o dom.

Um beijo

Ana

Ana Oliveira disse...

Bem-me-quer

Obrigada

:)

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Mariabesuga

Obrigada.

Como já disse é para mim uma satisfação muito grande partilhar estes eventos e tentar divulgar o melhor que posso, o que se vai fazendo nesta área.

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Simplesmenteeu

Já sabes...cores e palavras...as ditas e as por dizer...as minhas e as dos outros...para que o sangue que vivifica se espalhe e faça nascer a luz e a sombra que a realça.

Um beijo

Ana

Ana Oliveira disse...

Liliana

Obrigada.

Inevitávelmente nem tudo o que se pinta agrada a todos e ainda bem, porque sensibilidades diferentes tocam pessoas diferentes e assim se renovam os sentimentos que se querem transmitir ou fazer sentir.

Beijos

Ana

NAFTAMOR // Melhoral disse...

O meu comentário(atrasado) tinha que ser feito aqui, neste post e porque tb eu gosto mais de uns do que de outros, aqui te deixo o meu apreço
por "Palavras que não disse" e "Chuva de Sangue".
Menina,
está de Parabéns!

Um Beijo

Ana Oliveira disse...

Naft!!!

Atrasada...mas muito a tempo!

Obrigada, ainda bem que gostas.

Beijos

Ana