sexta-feira, 4 de setembro de 2009


Bordei o dia

Mal-me-quer

Em ponto pé-de-flor

:

Bordo a noite

Amor-perfeito

Em ponto-de-cruz

:

Com as linhas da palma da mão

E a agulha dos dedos sem pele

:

Amanheço manta de retalhos

:

Tela, foto e impertinência de Ana Oliveira

22 comentários:

Paula Raposo disse...

Tudo excelente! Mesmo a tua impertinência é linda! Adorei. Beijos e um óptimo fim de semana.

© Piedade Araújo Sol disse...

gostei tanto do poema como da tela.

parabéns!

Baby disse...

Lindo... palavras inventadas por uma sensibilidade primorosa, sugerindo imagens de um conteúdo rico e profundo.

Aprecio imenso as tuas impertinências.
Beijos.

Liliana disse...

Bonita dança de palavras... A tela é lindíssima! Parabéns.

Benó disse...

Ana, espero que seja uma manta de retalhos bem colorida e quentinha....

Bom fim de semana, mesmo com esta ventania.

Abraço

antonior disse...

A impertinência borda significados na vertigem da tela fotografada.

Cumprimento-a pelos restantes conteúdos, publicados desde a minha última visita e pela quantidade de informação que encontro.

Até breve.

Pedrasnuas disse...

BOA!!!MUITO INSPIRADA... CONTINUA NESSE RODOPIO...E DÁ RAZÃO AO TALENTO QUE TENS ...BORDA A NOITE E O DIA...E COZE AS PALMAS DAS MÃOS COM ESSAS FITAS DE SEDA ...E DE ALEGRIA . SE O MOMENTO DA CRIAÇÃO É SUBLIME ,O MOMENTO DA SUA ACÇÃO AINDA É MAIS SUBLIME

BEIJINHOS E BOM FIM DE SEMANA

simplesmenteeu disse...

E, ponto a ponto, o bordado se completa.
Perfeito mapa de amor...
Com linhas, agulha e dedos.

Manta, aconchego, agasalho.
Tapete de mil voos, com sorrisos desenhados.
Suspiros... de tão sonhados,
são estrelas de brilho e cor...

Beijo Grande

Isabel disse...

Ana....


venho deixar um beijo.....pétala.



Obrigada.




imf(Piano)

NAFTAMOR // Melhoral disse...

Uma Boa Noite

desenhada a meio ponto...

Um beijo

p.s.
A Tela é muita LINDA!!!!!!!!!

najla disse...

Adorei a tela....maravilhosa!

E claro, a tua impertinência arrematou tão bem...

um beijo

Ana Oliveira disse...

Paula

Obrigada.
Não sei o que é mais impertinente, se as palavras se a "brincadeira" com a tela!

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Piedade

Obrigada pela visita e pelas palavras.

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Baby

Obrigada.
És uma querida.

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Liliana

Obrigada.
Olha que a impertinência é bem mais interessante do que a tela que lhe deu origem, mas as palavras sairam a rodopiar atrás dela.

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Benó

A manta de retalhos que "tecemos" para nós tende a ser quentinha ou pelo menos aconchegante. :)

Obrigada.

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Antonior

Obrigada pelo apreço...é sempre tão importante receber palavras de incentivo.

Até breve por aqui ou pelo seu espaço que visito com prazer.

Ana

Ana Oliveira disse...

Pedrasnuas

Obrigada.

Bordo com a seda e a alegria das mãos nuas as palavras que aclaram os dias e enchem as noites.

Um beijo

Ana

Ana Oliveira disse...

Simplesmenteeu

Ponto a ponto, com o brilho das estrelas por lençol, se borda o aconchego com as penas que o voo soltou.

Um beijo

Ana

Ana Oliveira disse...

Isabel

Na pétala deposito uma gota de orvalho

e

devolvo o beijo.

Obrigada.

Ana

Ana Oliveira disse...

Najla

Eram rosas...e perturbaram-se.

Obrigada

Beijos

Ana

Ana Oliveira disse...

Naft

O meio ponto...para bordados muito especiais.

Beijos

Ana