segunda-feira, 11 de outubro de 2010

O TEMPO...

:


:

Perdido é como água que de fio se fez gota.
Dado é como fogo que de chama se fez fogueira.
O tempo é uma dádiva exigente.

:
Impertinência Ana Oliveira

18 comentários:

AC disse...

"O tempo é uma dádiva exigente."
E ainda bem que assim é. Só assim podemos mergulhar na profundidade das coisas...

Beijo :)

Pedrasnuas disse...

POIS É...NÃO PODEMOS PERDÊ-LO,NEM DÁ-LO, É PRECISO APROVEITÁ-LO O MELHOR POSSÍVEL...
BOA "BRINCADEIRA" FOTOGRÁFICA

BEIJINHOS

Virgínia do Carmo disse...

O tempo faz muito mais sentido quando partilhado, de facto :)

Bjos

© Piedade Araújo Sol disse...

Ana

que tão bem os teus olhos e as tuas palavras definem o tempo.

gostei tb dos azuis....

beij

KrystalDiVerso disse...

Porque os pontos de Vista podem ser diversos, a discordância sobre eles é uma relação que se completa, no complemento de outras perspectivas!...
Assim, na imagem da Água que de Fio se fez Gota, poderá ENCONTRAR-SE, desde uma Lágrima, em GOTA, até um imenso Oceano de SAUDADE... e o REENCONTRO com a Imagem e Alma INESQUICÍVEL!
Já o FOGO, quando DADO, permite a COMPOSIÇÃO do que se OBTÉM, ainda que o perigo de Incêndio seja um DADO quase adquirido!... Onde muito do que se É, deixando de ser pertença, ARDEU!... A importância do FOGO a uma FOGUEIRA, é um EMPRÉSTIMO com prazo Limitado pelo Tempo!... A memória, esse combustível, não se quer PERDIDA nem EXTINGUIDA!...


Boa Semana



Escolham entre... beijos e abraços

Me Hate disse...

O tempo, sendo dádiva será exigente? Ou seremos nós que o fazemos assim... exigente... sem tempo... ?

Beijo

alice disse...

o tempo é realmente o nosso segundo "eu"... ora nos dá a vida, ora nos dá a morte... um beijinho, ana.

Baby disse...

Difícil é definir o tempo, que é nosso dono e senhor, por muito que queiramos ignorá-lo, ele rege as nossas vidas minuto a minuto.
Mas gostei muito do teu, nesses lindos tons de azul.

Beijos.

Lídia Borges disse...

Gosto do dialogismo entre as palavras e a imagem... Como se o tempo fosse circular e tudo recomece a um certo tempo.

Um beijo

Ana Oliveira disse...

AC

Precisamos de todo o tempo do mundo para chegar mais fundo em nós e mais
perto dos outros.


Um beijo

Ana Oliveira disse...

Pedrasnuas

O tempo não é perdido se o damos, digo eu :)

Um beijo

Ana Oliveira disse...

Virginia

Partilhado...é essa a questão...dar e receber.

Obrigada pela visita.

E parabéns pelo livro...espero ter oportunidade de lê-lo.

Um beijo

Ana Oliveira disse...

Piedade

Só...obrigada...

Um beijo

Ana Oliveira disse...

Krystal

Tudo o que pomos em palavras e nos vai por dentro pode ser visto na perspectiva de quem lê e bom é saber o que cada um sente ao saber o que sentimos.

Obrigada pela leitura, que deixou que pensar.

Beijo

Ana Oliveira disse...

Me hate

Tempos há que o tempo é e outros em que somos nós...

Será?

Beijo

Ana Oliveira disse...

Alice

Parece-me mesmo que o tempo somos "nós" e que reflecte exactamente se queremos "viver" ou "morrer" :)

Um beijo

Ana Oliveira disse...

Baby

Não sei se concordo completamente...não sei se ele nos rege se somos nós que permitimos que nos algeme.

Obrigada pelos azuis

Um beijo

Ana Oliveira disse...

Lidia

Circulos que se completam e recomeçam, por vezes, como quem procura o mesmo ponto de partida à espera de um outro ponto de chegada!

Um beijo